O transbordamento da lua cheia ocorrido na última semana pode ser sentido através das vibrações emitidas pelas escolhas fashion de atrizes e celebridades que riscaram o tapete vermelho do Emmy, cerimônia responsável por premiar anualmente os melhores produtos e profissionais atuantes na televisão, com cores solares, calientes ou acesas.
As atrizes Anya Taylor-Joy, Kaley Cuoco e Michaela Coel preferiram modelos fluorescentes, que ofuscavam a concorrência e que continham caudas ou fendas profundas, enquanto a apresentadora Rachel Lindsay optou por um exemplar tomara-que-caia amarelo primal. O interessante é que algumas delas usaram sandálias de mesmo tom, potencializando os looks monocromáticos.
Outra cor que fez várias entradas pelo longo capacho e construiu imageticamente pares de vasos com o revestimento foi o vermelho. Ao menos, oito celebridades, dentre elas: Ariel Dumas, Catherine O’ Hara, Ashey Nicole Black, Sarah Paulson, Tracee Ellis Ross, Catherine Zeta Jones, Mandy Moore e Jac Schaeffer optaram pelas altas vibrações da tonalidade.
Uma versão queimada e um pouco mais apagada foi desfilada pela atriz Catherine Zeta Jones através de um tomara-que-caia. Já a roteirista, produtora e diretora Jac Schaeffer adentrou ao teatro a bordo de um exemplar florido de vermelho com fundo escuro.
O leque de cores existentes entre o vermelho e azul também foi aberto na ocasião, especialmente a vareta referente a cor roxa/púrpura que foi vista revestindo a pele da comediante Nicole Byer e da atriz Nicolette Robinson. Ambas ostentaram versões texturizadas construídas por babados e transparências dessa cor que está associada à realeza, à espiritualidade, ao feminino e as questões de gêneros.
Enquanto isso, o verde esmeralda ganhou representatividade na ocasião através da atriz Yara Shahidi que vestiu um modelo romântico com saia rodada e decote ombro a ombro.
No entanto, a cor-marolinha que impactou a festa foi o nude. A atriz Emma Corrin surfou com um exemplar reto, além de luvas de cetim, touca e garras enormes pintadas com esmalte preto.
E ao menos 25 Oxigenadas optaram pelo pretinho nada básico e por looks que mesclavam a clássica tonalidade com outras mais alegres como pink, pêssego, vermelho, prata, entre outras.
O vigor e a pujança encontrados nas cores abundantes na natureza também se transformaram em opções para produções festivas e destinadas às celebrações premiadas!
Fotos: reproduções