“Esta terra dá de tudo,
Que se possa imaginar,
Sapoti, jabuticaba,
Mangaba, maracujá,
Cajá, manga, murici,
Cana-caiana, juá,
Graviola, umbu, pitomba,
Araticum, araçá…”
O desfile da marca Fabiana Millazo foi um prato cheio para quem gosta de estar em contato com as riquezas naturais encontradas em nosso país. A coleção foi batizada de “Frutos da terra”, assim como a música de Luiz Gonzaga, mas a estilista bebeu de outras fontes para cria-la, ou melhor, se inspirou em outros ingredientes usados na culinária brasileira como ervas, grãos e verduras.
A degustação começou de maneira poética e com a cantora Luiza Possi cantando a música homônima e ressaltando as frutas típicas dos cinco biomas brasileiros (Amazônia, Caatinga, Cerrado, Mata Atlântica, Pantanal), além de reafirmar através da letra musical que somos um povo abençoado pela presença de terras produtivas, sol em abundância e um clima propicio para dar frutos doces comparados aos favos de mel.
Os sabores estéticos também foram acentuados com a escolha de um cenário verde, adornado por vasos de plantas e flores distintas, além de uma fonte de água centralizada numa referência direta ao jardim do Éden e ao paraíso que nos está disponível.
É claro que o clima natureba foi transferido para a escolha dos tecidos usados, especialmente os algodões e os linhos e pela paleta de cores trabalhada na ocasião que privilegiou o verde menta, verde sálvia, bem como o marrom, amarelo, branco, lilás e o rosa pitaya.
O frescor da coleção veio com a presença de peças com recortes laterais que evidenciaram a pele feminina, com minissaias, saias evasês e godês, tops cropped, jardineiras, chemises, mas especialmente através das camisetas bordadas, dos vestidos esvoaçantes, das frentes únicas e das pantalonas. Destaque para os laços e amarrações frontais, para os trançados de ombros únicos, para as golas pontudas e para os macacões vistos.
Agora, o brilho da coleção surgiu com o blazer branco com um girassol bordado nas costas, com os vestidos estampados de frutas tropicais, com os macacões vazados e, especialmente, com a vibração da cor rosa encontrada em vestidos fluidos.
Em um primeiro momento a intenção da estilista Fabiana Milazzo era lançar sua nova coleção para quem estava desnutrida de novidades fashion, bem como comemorar os 21 anos de existência de sua marca. No entanto, o evento também serviu para uma causa solidária e para arrecadar doações para organizações e instituições carentes, tais como: Amigos do Bem, Fundação Amor Horizontal, Love Togheter, Backstage Invisível, Salve a Graxa, Abramus, O Amor é mais, Ação Moradia e Casa do Menor.
Sinceramente, não tem como não se emocionar com os sabores extraídos deste fashion filme nacional!
Eu amei!
Maria Oxigenada

P.S. Ainda é possível fazer doações, basta entrar nas redes sociais ou na página da marca no YouTube e saber como.
Foto e vídeo: reproduções