– Lendo o livro “Vida Querida: Contos”, de Alice Munro;
– Comemorando o Dia das Bruxas com o “Horror Drive Tour”, no Hopi Hari;
– Divertindo-se com a série “Emily em Paris”;
– Aplaudindo a reabertura dos teatros, cinemas e museus;
– Presenteando um amigx com o livro “Trinta anos de mim mesmo”, de Millôr Fernandes,
– Apostando em camisas com modelagem cropped;
– Investindo em saias de nylon;
– Desfilando com um par de scarpin de salto baixo;
– Comprando peças com flores aplicadas ou bordadas;
– Acrescentando charme às produções com peças enfeitadas com ilhoses;
– Combinando tops retos com blazers compridos;
– Flanando com uma mochila emborrachada nas costas;
– Circulando com rabo de cabelo baixo;
– Criando um arco-íris nas unhas das mãos;
– Substituindo os demaquilantes por azeites;
– Iniciando o dia com smoothies de frutas;
– Aprendendo a fazer peixe na crosta de sal;
– Caindo de boca em tiras de polenta frita;
– Bebericando um milkshake de cerveja;
– Montando seu próprio treino na piscina de seu prédio ou condomínio;
– Doando brinquedos para crianças carentes;
– Brincando de ser criança novamente.
Foto: reprodução