– Lendo o livro “Nós somos o clima: salvar o planeta começa no café da manhã”, de Jonathan Safran Foer;
– Conferindo virtualmente o Festival de Cinema Italiano 8 e ½;
– Fazendo um visita on-line em 3D e um voo panorâmico através do jardim, das salas de exposições e obras do Museu do Ipiranga;
– Acompanhando as semanas de moda americana, francesa, italiana e inglesa;
– Adquirindo o livro “Roupas Inteligentes – Combinando moda e tecnologia”, de Ricardo O’ Nascimento;
– Desfilando com peças estampadas de morango;
– Investindo em uma blusa de cetim de tonalidade forte;
– Circulando com brincos no formato de mosquetão;
– Pesando as produções com coturnos;
– Pintando e fazendo arte com o seu jeans velho;
– Aquecendo suas produções invernais com coletes de lã;
– Dando uma nova cara para uma roupa antiga;
– Colorindo os olhos com sombra lilás;
– Trocando as capas das almofadas de sua sala de estar;
– Recuperando moveis antigos de sua família;
– Voltando a treinar na academia;
– Degustando pedaços de queijo de ovelha;
– Esquentando as noites frias com caldo de batata doce e frango;
– Aprendendo a fazer risoto de pinhão com tomate e manjericão;
– Finalizando as refeições com vinho de sobremesa;
– Curtindo o feriado da Independência.
Foto: reprodução