A brincadeira do momento tem sido camuflar as raízes crescidas, a transição capilar ou mesmo proteger as madeixas dos raios solares, dos ventos invernais e da pouca umidade do ar reinante durante a estação.
O isolamento social impulsionou a retomada do uso de lenços nas cabeças, assim como evidenciou o estilo de vida campestre. Tanto é verdade que a marca Dior colocou o acessório para jogo em seu último desfile realizado na Itália e ainda fez questão de mostrar vestidos soltos, transparências, vestidos com mangas compridas e o conforto que remete o contato com a natureza.
Outra tendência forte neste inverno é a utilização de boinas e chapéus com abas moles (bucket) durante caminhadas ao ar livre e no lugar de bonés ou viseiras. Já os modelos floppy são indicados para aquelas mulheres que desejam reforçar ainda mais os cuidados protetivos não só com seus cabelos como também com seus rostos quando circularem pelas ruas de grandes centros urbanos.
As tiaras grossas e com enchimento, bem no mood princesa da Disney é outro acessório que voltou a circular entre os cômodos domésticos e marcar presença em reuniões virtuais de trabalho e familiares. As aveludadas são as queridinhas do momento, mas as metálicas ou as revestidas de tecidos xadrezados (estampa vichy) ou com tweeds também não fazem feio e casam perfeitamente com os dias de baixas temperaturas.
Entretanto, se é para impressionar aquele crush durante os encontros virtuais ou se sua vontade é de ostentar coroas de princesas reais, então a dica é apostar nas tiaras bordadas com pedrarias, pérolas ou tachas, dependendo das produções usadas no dia do date.
Pelo visto, a brincadeira de esconder ou sentir-se uma personagem de conto de fadas está só começando e ela pode ser acompanhada de momentos de delicadeza e feminilidade.
Foto: reprodução